SOBRE SEXO E SEUS AFINS

Posted by : DANIEL MORAES | 02 janeiro, 2009 | Published in

Desde que pedi a Santa Iara dos Templates para colocar o programinha registrador de tráfego, que venho observando que os textos campeões de acesso são o “Ah, a Ele & Ela e o Cine-Band Privê“, “Sexo, Amor e Solidão” e o conto erótico “A Noite“. Os três têm em comum, o fato de ter como assunto SEXO.

É interessante notar como esse tema é procurado. Costumo afirmar que melhor que falar é fazer sexo. Dias desses em um bar com os amigos, falei do Ménage e os comentários que são feito em meus textos, e o quanto fico feliz com a aceitabilidade dos mesmos.

Brasileiro é um povo que adora sexo! Segundo pesquisas realizadas pelo IBGE, nós por ano chegamos a “vias de fato” 124 vezes, e somos o segundo povo no mundo a transar, só perdendo para os Gregos.

Entretanto, como não haveria de ser, tocamos num ponto interessante, que é o puritanismo de determinados indivíduos com relação ao sexo. Muita gente ainda possui a visão de que sexo deve ser feito papai e mamãe, depois do casamento e nunca deve ser debatido (fora o Catolicismo, na contra mão do mundo real, ainda prega a castidade e o não uso da camisinha – enquanto isso cresce o número de Padres pedófilos mundo a fora). Pura besteira e idiotice! Sexo é o que há de mais ANIMAL em nós, é o canibal em busca da carne, a fome avassaladora que nos toma por completo, e que nos proporciona à hora do gozo, o mais absoluto abandono do Ser, o prazer que nos toma e que por alguns segundos, nos leva ao nirvana...

Está escrito na Bíblia, “crescei e multiplicai-vos”. Outro dia, assistindo ao Dr.º House, num dialogo entre a assistente e o assistente loiro (eu nunca sei o nome deles), a mesma iniciando a paquera, discorre sobre o que acontece com o nosso corpo na hora do sexo. Ao fim, ela diz que, “seria algo extremamente chato se não fosse o ser humano inventar maneiras de deixar o ato interessante”.

Não é pecado vê-se atraído por outro indivíduo! E concordo com a assistente de House, o ato em si não tem muita graça, mas nós, através do Kamasultra e demais meios, aprimoramos a ação... Como não querer ser tocado, beijado, acariciado, mordiscado, gemido, enfim, como não querer que a química que há entre dois corpos não lhe apodere?

Outro ponto que debatemos, foi o fato de uma reportagem sobre Traição Feminina da revista Veja, onde uma pesquisa indicava o aumento do número de traição das mulheres. Aí o bicho pegou, pois as mulheres na mesa defenderam-se, jogando a culpa no mau desempenho sexual dos homens, enquanto grande parte dos homens a mesa questionaram a “visão agora masculinizada” das mulheres hoje em dia, tão combatida pelas mesmas tempos atrás. Defendi a idéia que discorri o texto Sexo, Amor e Solidão, que hoje o que define o nível e intensidade de um relacionamento é justamente o sexo, que não adianta ser bonito (a), se na hora do vamos ver a pessoa não é lá essas coisas. Antigamente, namorava-se para depois transar, hoje a coisa se inverteu. Arnaldo Jabor no “Pornopolótica”, afirma que “homem só vira homem quando recebe chifres didáticos”. Será? E as mulheres, a recíproca é verdadeira? Como diz Rita Lee, “sexo é escolha, amor é sorte”.

Seja como for,
Tenha a visão que tiver,
Não a coisa mais interessante de se falar e principalmente fazer, que sexo!

EXTRA:

Estou de volta! Não consegui “ficar de férias” por muito tempo. Blog vicia, e já não agüentava mais a crise de abstinência... (risos). Falando em voltar...

Ela voltou! Temos Notas Descabidas no ar outra vez, e já não era sem tempo! Só falta, quem sabe, um ponto voltar a funcionar...

Bom final de semana a todos e feliz 2009.

(11) Comments

  1. paula barros said...

    Realmente sexo desperta interesse, curiosidade, debates...e você escrevendo fica melhor ainda.


    abraços

    2 de janeiro de 2009 10:58
  2. lugirão said...

    Daniel, sexo é sucesso sempre, pena que muita gente só pensa, e por causa de uma série de travas que a sociedade impõe , não se doam as relações, fazer sexo é tudo de bom.

    Pecado é sentir tesão por uma pessoa e não investir nisso, vai que existe reciprocidade e por causa de frescura a pessoa deixa de viver uma relação legal.

    Mas cada qual com o seu cada qual, não é mesmo?

    Ai, ficam todos de mau humor, estressados, cheios de tesão recolhido kkkk.

    Bom fim de semana, beijos

    2 de janeiro de 2009 18:12
  3. Camilla K. Boyle said...

    Concordo com você, o sexo é das coisas mais básicas e mais essenciais ao ser humano e por mais que tentemos esconder (e própria igreja tente esconder) todo o mundo gosta disso (a menos que seja assexuado). Tamnbém partilho da opinião da Paula, você escreve muito bem sobre isso =)

    Feliz Ano novo para você =)

    Beijos e bom final de semana

    ps: vou enviar-te um email porque tenho um assunto que gostaria de falar contigo ;)

    2 de janeiro de 2009 21:32
  4. Neiva said...

    Daniel,

    Sexo é bom demais! Pena que 2008 passou meio em brancas nuvens para mim, mas minha prioridade em 2009 é ao menos beijar e muito! rsrs

    Antes só tenho que arrumar um namorado, mas isto é um detalhe bobo. :D

    Bom retorno. Este trem vicia mesmo.

    Beijos

    3 de janeiro de 2009 11:41
  5. Mila said...

    Gente, eu li essa reportagem. Concordo, em partes.
    A traição feminina vai mt além da má performance sexual masculina. Mas preciso falar disso com vc com calma. kkkkkkkkkk!!!
    É muita informação!

    3 de janeiro de 2009 23:05
  6. Jairo Souza said...

    Aeee!
    de volta com o tema q ele mais gosta de falar!
    sexo!
    hauahauhauhauha
    particularmente ñ gosto mt de falar! acho pessoal e intransferível!
    ahauhauhauhau
    Abraços!

    Tah faltando um post seu lçah no blues! Abraços!

    4 de janeiro de 2009 20:36
  7. Sexo,sem duvidas,é sempre um bom assunto,gera duvidas,sempre queremos saber mais...mas melhor,mesmo, é sempre a pratica!rs

    Obrigada pela visita no brinquedo,e volte,sim,mais vezes.Farei o mesmo.

    abraços.

    4 de janeiro de 2009 23:13
  8. Valéria de Oliveira said...

    O que realmente é bom e fundamental no sexo é saber o que é ''orgasmo'' hauahuauhauhau...
    Depois do prazer tudo pode ser..amor, paixão, tesão (td bem momentaneo, maaaaaaaaaaas)...E acredito que pecado é esconder este instinto animal que existe em todos seres humanos - sem excessão (Padres, Bispos, Freiras...)

    5 de janeiro de 2009 00:29
  9. Cá ツ said...

    Sexo é bom, muito bom... de ler, de ouvir, de descorrer sobre.. mas pricipalmente (e muito mais) de fazer.. provavelmente eu fui grega na vida passada hahahahhahaa brincadeiras à parte, concordo com tudo que disses... tem que ter tesão, química e pegada.. senão, não há amor que sustente mesmo.. cama é 70% da relação praticamente e é fundamental... ou dá certo ali, ou não adianta, uma hora ruína...

    beijocasss
    ps.: adorei aqui, linkei, ;)

    5 de janeiro de 2009 08:44
  10. lucila Frisone said...

    Primeira vez que venho nesse blog...
    adorei o Homer Simpson hehe sou fã desse Idiota mais tbm quem nao é?!
    adorei as suas ideias e nem sabia que os brasileiros ADORAVAM tanto sexo assim o.O mais td bem
    feliz 2009 repleto de sucesso e alegria...

    5 de janeiro de 2009 17:27
  11. Flávia said...

    Sexo é bom, é natural e é saudável - portanto, a pergunta que não quer calar é: porque será que ainda é tabu, se é normal e todo mundo gosta?

    Beijos!

    8 de janeiro de 2009 00:40