CHEGANDO AO CÉU

Posted by : DANIEL MORAES | 21 maio, 2008 | Published in


Em teu corpo que é quero me perder.
Ladrilhar cada centímetro seu.
Provar das tuas delícias mais secretas,
Provocar a tua dor mais íntima,
Vê-te animal insaciável,
Devorando-me,
Saboreando-me com tua língua,
Mordiscando,
Percorrendo cada pedaço meu,
Fazendo-me suplicar,
Pedi, implorar...

Nossos corpos num perfeito sincronismo.
Beijos, gemidos cada vez mais altos
E depravados, escancarando nossa lascívia...

Que o mundo acabe,
Que tudo se exploda!
Meu céu,
Minha salvação é você,
E todo o prazer que possa me dar...

Nossas peles exalando desejo,
A respirações pesadas,
Tuas unhas que arranham minhas costas,
Teus movimentos cada vez mais rápidos,
Teu prazer já vem vindo...
O corpo que se arrepia,
As mãos que se contraem,
E o grito...
Teu corpo que desaba em cima do meu,
Cansada e vencida,
No mais íntimo abandono da alma.

Sobre o meu peito descansas,
O mundo já pode terminar,
Já te fiz chegar aos céus.


Por: Daniel Moraes.

(6) Comments

  1. Fabiana Alves

    Magrelo, magrelo... Sabia que você é o tarado mais doce que eu conheço? kkkkk Lindo poema! Parabéns meu amigo. Beijão.

    21 de maio de 2008 21:05
  2. Júlio

    Fernanda Takai gravou uma música em seu disco solo chamada "seja o meu céu".
    Já me perdi e já me encontrei em um corpo de um 1,65m.

    22 de maio de 2008 06:14
  3. Daniel

    Fabiana: Se queres saber, sempre tive vontade de te levar aos céus. E aí, topas a viagem? rsrsrsrs

    Júlio: Não há nada mais gostoso que se perder e se achar em corpos femininos,não é verdade? Tanto faz ser de 1,65 - 1,75... rsrsrsrs.

    22 de maio de 2008 09:51
  4. Iara said...

    Sei nao, acho que o nobre amigo foi atacado pelo cupido.



    Fique a vontade, se algum dia quiser, sabe onde pedir.
    beijos.

    22 de maio de 2008 10:50
  5. Leticia said...

    Ai ai me deu uma fome...

    22 de maio de 2008 11:41
  6. Camilla Boyle said...

    Palavras subtis... =D

    25 de maio de 2008 07:16