TANTA COISA PRA INFRAESTRUTURAR...

Posted by : DANIEL MORAES | 03 fevereiro, 2009 | Published in

Eis que já vigora a nova infra-estrutura de nossa língua portuguesa (Ops! Agora é Infraestrutura). As Novas Regras abolem o trema, exceto em nomes próprios e em seus derivados. Não se usará mais hífen quando o segundo elemento começa com s ou r, devendo estas consoantes ser duplicadas, como em "antirreligioso", "antissemita", "contrarregra", "infrassom. No português lusitano desaparecerão o "c" e o "p" de palavras em que essas letras não são pronunciadas, como "acção", "acto", "adopção", "óptimo" - que se tornam "ação", "ato", "adoção" e "ótimo". O resto das coisas é só clicar no link e saber mais, pois o que m leva a escrever esse texto é a seguinte questão: Para quê isso?

Segundos os entendidos no assunto, a unificação da forma de escrita era uma “necessidade”, já que com a evolução do Mundo, a língua Portuguesa deveria adequasse aos novos tempos. Vejam, sou filho de uma professora de Português (logo se vê que casa de ferreiro o espeto é de pau (Ui!)), e segundo minha velha mãe, havia tanta coisa para mudar como, por exemplo, o POR QUE. Há vários por quês, junto, separado, com e sem acento... Já que é para ser moderno, porque não transformar o por que em PQ. Hoje em dia não há linguagem mais moderna que o “internetês”. Já imaginou com seria? Quando seria QNDO. Beijos seria BJU. Sem falar nas expressões; poderíamos substituí-las pelas já famosas carinhas.

Mas vou mais além! Há tanta coisa para ser mudada nesse País. Vamos começar pelos políticos. Esse atual modelo, que é viciado, carcomido e que favorece a corrupção poderia ser trocado. Que tal se infraestruturássemos os seus salários? Que tal um Deputado Federal ao invés de ganhar 12.000 reais por mês, passasse a ganhar 5.000? Que para se candidatar, o indivíduo teria que ter ao menos o 2º grau completo, já que o mercado de trabalho se exige pelo menos isso. Que tal se todas as vantagens como, auxílio terno, verba indenizatória de gasolina, passagens aéreas e tantas outras coisas fossem extintas? Ou se fosse obrigatório que o Parlamentar trabalhasse 40 horas semanas como todo mero mortal. Que a fidelidade partidária fosse respeitada, e que houvesse no máximo 10 partidos políticos, com ideologias definidas, e que houvesse eleições únicas de 5 em 5 anos, sem reeleição, por exemplo? Que corrupção fosse crime inafiançável e com pena de 30 anos de reclusão. Enfim, que tal se houvesse uma infraestruturação na mentalidade do povo brasileiro, que poderia se importar mais com política, se vender menos e exigir mais. Que tal sermos mais patrióticos e cidadãos, só pra variar. Seria uma baita de uma mudança, não é mesmo?

Que bacana seria se infraestruturássemos a nossa moral? Seria legal se deixássemos de dar tanta atenção ao BBB. O dinheiro que se paga com Perpevil, ligação para eliminação de fulano e etc, poderia ser usado para ajudar Instituições Filantrópicas, por exemplo. Ou mesmo, se parássemos de jogar filhos pela janela, lagos poluídos; se não matássemos mais dois garotos, arrastasse criança bairro afora... Que tal se nós fôssemos mais pais e mães? Que tal se amássemos mais, se soubéssemos dar mais valor as amizades e investíssemos mais em relacionamentos sérios? Será que deixaríamos de ser menos solitários?

Há coisas mais importantes para serem feitas que uma nova grafia. Poderia melhorar a saúde pública. A Malha Viária Brasileira, Segurança Pública, Educação. Poderia pensar num novo modelo de Desporto Nacional, já que grande parte dos atletas brasileiros estão sempre com o pires na mão; um novo modelo de investimento à Cultura...

Temos um tempo para nos adequar as novas regras gramaticais, todavia, fica a pergunta: Essa mudança era realmente necessária? Não há coisas mais a priori que isso? A infraestrutura gramatical poderia esperar, não é msm?

Mais já que é para mudar, sugiro a idéia de uma gramática livre. Cada um poderia escrever da forma que bem entendesse! Já que é para ser underground, PQ Ñ? Olha só o exemplo abaixo:

SHANNTA IGUINNORÂNÇA

(11) Comments

  1. lugirão said...

    Daniel passando para dizer oi.

    Depois volto com calma, para ler teu post.

    Também estou querendo falar sobre esse assunto...tenho que ler direitinho....mas acho um saco ter que estudar novamente essas regras.

    Beijos

    4 de fevereiro de 2009 07:42
  2. Neto said...

    Sempre achei que existe coisas com mais prioridade do que essa reforma ortografica.

    Mas esperar o que do Brasil? um pais adolescente que caminha a passos de tartaruga para a maturidade...

    Sobre as novas regras, vi esse site e achei bom para começar.
    Aí vai o link:
    http://ramonpage.com/ortografa/

    Só para não passar despercebido :)
    abraços

    4 de fevereiro de 2009 08:57
  3. Katia said...

    concordo plenamente contigo...deste lado do oceano a mudança tambem vai afectar e muito... enfim....esta gente nao pára de inventar
    bjs bjs

    4 de fevereiro de 2009 21:48
  4. Casa de Colméia said...

    Ai,meu Deus...tantas,tantas mudanças deveriam acontecer,a começar pelos pingos nos is que deveriam ser colocados em muitas questoes...Muito boa sua reflexao.
    Um grande abraço

    4 de fevereiro de 2009 23:12
  5. Casa de Colméia said...
    Este comentário foi removido pelo autor.
    4 de fevereiro de 2009 23:12
  6. . fina flor . said...

    eu decidi que não vou adotar, kkk, azar dos meus editores, kkk

    beijocas, querido e bom fim de semana

    MM.

    5 de fevereiro de 2009 23:30
  7. Tássia Jaeger said...

    Ótimo texto Daniel. Tô com preguiça só de pensar em me atualizar no português pra escrever meu TCC. Vou ter que deixar o aperfeiçaomento em inglês pra depois do auto-intensivo de português.

    6 de fevereiro de 2009 00:12
  8. Tássia Jaeger said...

    Ah, perdoe minha ignorância, mas não entendendo nada de selos e nem pretendo entender, porque tô cheia de coisas pra entender...não achei o presente que tu tinha pra mim, mas acho que era isso, se for, agradeço mesmo, me sinto lisonjeada por lembrar de mim, mas nesse ponto, continuo ignorante....hahahahah...bom carnaval!

    6 de fevereiro de 2009 00:18
  9. Atila City said...

    E enquanto temos que pensar no qnto perdemos em outras areas a lingua portuguêsa se deu conta de que feiúra agora feiura devia perder o acento, ja que no brasil quem não tem bunda é feio correcto?
    hehe
    gostei do texto meu amigo Daniel Capricorniano, obrigado pelo comentário.. eu virei sim.. gosto de pessoas criticas... valeu velho!

    6 de fevereiro de 2009 10:55
  10. Jairo Souza said...

    Não sei se a mudança era necessária, mas a discussão com certeza, do jeito que vc colocou no post parace q a nossa lingua tem mt menos importância q todas as outras coisas citadas, o q não é bem verdade! por acharmos que só devemos nos preocupar com coisas práticas que o Brasil não é um celeiro de famosos estudiosos e cientistas! Abç!

    9 de fevereiro de 2009 01:04
  11. Anônimo

    http://markonzo.edu Great site. Keep doing., actual ashley furniture [url=http://jguru.com/guru/viewbio.jsp?EID=1536072]actual ashley furniture[/url], dywjqh, watch allegiant air [url=http://jguru.com/guru/viewbio.jsp?EID=1536075]watch allegiant air[/url], vfserk, best pressure washers [url=http://jguru.com/guru/viewbio.jsp?EID=1536078]best pressure washers[/url], lelyfs, follow dishnetwork [url=http://jguru.com/guru/viewbio.jsp?EID=1536080]follow dishnetwork[/url], domhn, fresh adt security [url=http://jguru.com/guru/viewbio.jsp?EID=1536076]fresh adt security[/url], aahemt,

    25 de fevereiro de 2010 01:26