SER OU NÃO SER O SUCESSOR. EIS A QUESTÃO DO LULA

Posted by : DANIEL MORAES | 31 março, 2008 | Published in

Primeiro e como sempre, o Basil tá bem. Não existe epidemia de dengue no Rio, e, aliás, é Pobrema do Governador e Prefeito.

Segundo, que na ultima pesquisa do Data Folha de intenção de votos para Presidente em 2010, José Serra ganharia em todos os cenários.

Terceiro, que a situação é bem mais complexa do que se imagina. Vamos aos pepinos do Titio.

Como todos sabem, o queridinho e mais sucessor natural do que nunca de Lula, o ex-ministro da Casa Civil / 1º ministro branco do Brasil – por causa da merda jogada no ventilador pelo tenor nervos de Aço Jeff, perdeu os direitos políticos. A lógica do segundo imediato seria o ex-ministro da Fazenda e atual Deputado Federal Antônio Palocci, mas como todos sabem, por causa do escândalo do caseiro (esse pode bater no peito, e dizer pros netos: “eu tirei um ministro”).

Sobra Marta Suplicy, Dilma, Patrus Ananias, Ciro e Aécio Neves (Aécio? Sim! No final direi por quê).

Marta e Dilma são a solução underground; Lula pode escolher uma das duas no pretexto inicial da onda que anda tomando conta do Mundo, que é a mulher no poder (aliás, nada contra, muito pelo contrário. Acho que em todos os aspectos, é uma solução interessante, pois a mulher vem mostrando a cada dia, sua competência e inteligência na tomada de decisões). Marta, tornando-se Prefeita de São Paulo, está mais que credenciada para figurar como sucessora, porém, ela não faz parte do Núcleo Duro do PT; fora que muitos a consideram, prepotente, pedante, de difícil trato, o que é ruim numa articulação nos bastidores. Dilma é “Cristã Nova na Política”. Apesar de já ser a muito tempo, Secretária de Pastas de Governos do PT, nunca se candidatou a nada. Lula vem apostando nela nesses tempos; começou o “vestibular para presidente”, levando-a para eventos populares, fazendo-a discursar, até negar algo tão flagrante (Dossiê FHC) já anda fazendo. Mas ela é técnica (o que é ótimo), e isso dificulta, pois nessa política nojenta brasileira, a competência é posta em ultimo plano.

Patrus Ananias é o Ministro responsável pelo Bolsa Família (se alguém puder me dizer qual é o Ministério dele, são quase 50. E o Basil vai bem!). Como possível sucessor ele é um ótimo Ministro. Lula pensa na viabilidade dele, por causa do Bolsa Fome, mais é difícil. A transferência de votos por si só não basta; Ananias não tem prestígio para fazer acordo e alianças, nem luz própria pra encarar um segundo turno, seja lá qual for o candidato do Tucanato.

Ciro e Aécio. Vamos pelo ultimo. Aécio Neves é o atual Governador de Minas, e problema está aí. O PSDB é um Feudo Paulista. A briga pela vaga de candidato do Partido deve ficar outra vez entre Serra e Geraldo Alkimin (ainda mais se Alkimin se eleger Prefeito). Pra ser a bola da vez, Aécio teria que fazer um movimento de “abrangência” do PSDB; teria que fazer algo que tirasse o partido das mãos dos paulistas (pelo menos enfraquecê-los), coisa muito difícil. É aí que há uma possível solução pro Titio. Bastaria que Aécio fosse para algum partido da base aliada, e pronto! Seria uma solução genial, mataria dois coelhos numa cajadada só; teria um nome de peso, capaz de caminhar com as próprias pernas num segundo turno, e colocaria o Tucanato em Xeque. Só que o PT não quer nem pensar nessa possibilidade.

Ciro é a solução lógica. Seu antigo Ministro, atualmente é Deputado Federal, é da base aliada, é respeitado no meio, bom articulador, tem trânsito nos outros partidos, foi Governador, fama de ótimo administrador, candidato por duas vezes a Presidência, enfim... Seria o cara talhado para tarefa, mas... Por tudo acima citado, tem luz própria até demais, e isso atrapalha um possível sonho de terceiro mandato (Lula em 2014 ainda tem idade pra pelo menos um mandato).

E agora? O fato é que o PSDB tem tudo pra fazer o Presidente, mas não poderá cometer o mesmo erro da eleição passada, quando deixou para a ultima hora a escolha de seu candidato. Se Geraldo ganhar a Prefeitura, o PSDB terá um problema monumental para resolver; aliás, já ta tendo pra essa eleição. Ter ou não candidato próprio? Segundo a ultima pesquisa, Marta está à frente de Geraldo por quatro pontos.

É caros amigos, 2008 é a porta de entrada para a eleição de 2010. Façam as suas apostas!

Pensamentinho:

O Analytics e o contador tão bombando. O primeiro, dando picos de 30 visitas, o segundo, já ta chegando ao registro de 200 passadas. Vamos lá gente, façam um blogueiro feliz, comentem.

(2) Comments

  1. Mirian Martin

    eleiçòes... eu já tinha me esquecido disso... valha-me, Deus!

    1 de abril de 2008 13:52
  2. Tetê

    Pior que o Big Brother é o "reality" político. Jogo nojento! Eu já tenho candidato: vou votar no mosquito da dengue! Ele não nega serviço! FUI!

    1 de abril de 2008 16:32